Jackie Mittoo / The keyboard legend



05 Junho 2016

por Marcos Black

O reggae instrumental é uma fonte de agradáveis descobertas não apenas para amantes do gênero, mas todo e qualquer ser humano ligado em boa música. Além das coletâneas, especialmente as editadas pelo selo Trojan Records, alguns discos de artistas solo merecem a nossa atenção. Já falamos do grupo The Upsetters na edição passada, pretendemos trazer o clássico Augustus Pablo na próxima, mas nesta é a vez de Jackie Mittoo e seu álbum The Keyboard Legend.

A bordo de suas virtuosas tecladeiras, Jackie Mittoo é uma legenda do reggae instrumental. Fundador do Skatalites, sua vida mudou quando cruzou com Coxsone Dood, o cara dos Studio One, onde, como diretor musical, ajudou a criar boa parte do reggae moderno. Após tocar com uma série de grupos e intérpretes, e com o fim dos Skatalites, iniciou carreira solo, por volta de 1967. A partir de então, gravou uma série de discos instrumentais, destacando-se In London, Evening Time, Keep On Dancing, Now e Macka Fat, a maioria fora de catálogo.

A coletânea The Keyboard Legend é talvez o único álbum atualmente disponível de Jackie Mittoo até o ínicio da década passada. Lançado pelo selo Sonic Sounds Jamaica, e reeditado nos Estados Unidos, traz 20 faixas das mais representativas da carreira do músico. São verdadeiras pérolas gravadas no Studio One, entre 1960 e 1970, com produção de Bunny Striker Lee. Entre elas, clássicos como ‘Dark Shade Of Blue’, em cima de ‘Norwegian Wood’, dos Beatles, Ram Jam, MPLA Rock e Jumping Jack, entre outras.

Apesar de pouco conhecido além das fronteiras do reggae, Jackie Mittoo é um dos grandes tecladistas da música moderna, devendo figurar ao lado dos mestres do jazz e outros gênios como o mexicano Esquivel, ou o brasileiro Lafayette. Este CD, disponível nas melhores lojas da rede, é um bom ponto de partida para quem não conhece sua obra, e, certamente, início de uma corrida atrás de outros discos.





 






POSTADO EM: /Resenha